Urtiga miúda: propriedades e benefícios do chá dessa planta

Com 20 g desta planta e um litro de água é possível preparar um chá, que trata deficiências digestivas, dores articulares e outros problemas de saúde

Urtiga-ana, urtiga-da-miúda e urtiga vermelha. Estes são alguns dos nomes dados a planta cientificamente chamada de Urtica urens, ou como ela é popularmente conhecida, urtiga miúda.

Apesar do nome limitar a planta à uma característica pequena, este tipo de urtiga pode alcançar tamanhos que variam entre 60 cm até 1,5 m.

Apesar de ter sido originado na Europa, Norte da África e no Médio Oriente, esta planta pode crescer e se desenvolver em regiões temperadas do mundo. Todas as suas partes podem ser utilizadas como remédio caseiro, uma vez que toda a planta é fonte de vitaminas, minerais e outros princípios ativos.

Propriedades medicinais

Foto: depositphotos

  • Anti-hemorrágico;
  • Antisseborreico;
  • Depurativa;
  • Digestiva;
  • Diurética;
  • Galactagoga;
  • Hemostático;
  • Hipoglicemiante;
  • Tônica.

Benefícios desta planta para o organismo

Diante das propriedades medicinais citadas anteriormente, é possível dizer que este tipo de urtiga pode ser benéfica para tratar abscessos do estômago, apendicite e má digestão. É indicada também para casos de anemia, diabete, problemas uretrais, hemorragia uterina, câncer, hidropisia e irritação cística. Outros problemas podem ser tratados com o uso desta planta, são eles: asma, ausência de leite materno, caspa, gota, queda de cabelo, afecções na pele, reumatismo e tuberculose pulmonar.

Como preparar o chá de urtiga miúda?

Com 20 g de urtiga miúda e um litro de água é possível preparar o chá desta planta. Basta que você amasse as folhas desta erva em um recipiente e depois misture com a água, levando todos estes ingredientes para o fogo. Deixe ferver e após o processo de ebulição, desligue o fogo. Tampe a panela e permita que o chá fique 10 minutos em infusão.

Após o tempo determinado, coe o chá e sirva. A dica é não consumir com adição de açúcar, adoçante ou mel. Beba até três xícaras de chá de urtiga miúda por dia. Doses maiores que a indicada podem causar algum problema no organismo.

Contraindicações e precauções

Mesmo sendo uma planta natural e que não recebe interferência química no seu modo de preparo, a urtiga miúda pode causar algumas reações adversas no organismo humano. Por exemplo, o uso deste remédio caseiro não deve ser aplicado em mulheres grávidas, principalmente nos três primeiros meses da gestação.

Além disso, é necessário ter atenção ao manusear a urtiga quando esta ainda está fresca, uma vez que neste modo ela pode apresentar espinhos e causar um efeito urticante. Já quando ela está seca, é possível usá-la sem maiores problemas, pois espinhos murchos são inofensivos. Por fim, ainda não há relatos de efeitos causados pela superdosagem do chá feito com urtiga miúda, mas é sempre interessante buscar auxílio médico antes de optar por qualquer tratamento, seja ele natural ou não.


Source link