Loading...
SEMENTES

Sabe como a proteína de soja é feita? Descubra isso e os benefícios dela


Em uma publicação feita em sua página oficial no Facebook, a nutróloga Tamara Mazaracki explica como a proteína de soja é feita

Você gosta de soja? Sabia que esse grão está presente em diversos alimentos do seu cardápio? Sim! A proteína isolada e a proteína texturizada são acrescentadas a inúmeros alimentos, incluindo biscoitos, massas, pães, cereais matinais, sorvetes, chocolates, molhos de salada, sopas de pacote, maionese, margarina, barras de cereal, hambúrguer de frango, peru ou carne, salsichas e outros embutidos.

Em uma publicação feita em sua página oficial no Facebook, a nutróloga Tamara Mazaracki explica que cerca de 2/3 de todos os alimentos industrializados contêm soja ou seus derivados.

Como é feita a proteína de soja?

A proteína isolada de soja é usada na preparação de proteína vegetal texturizada, carne de soja e leite de soja. De acordo com a publicação feita pela nutróloga, a proteína isolada de soja é produzida pela lavagem do grão com soluções alcalinas e ácidas. A profissional explica que o processo ocorre em grandes tanques de alumínio que liberam e adicionam elevados níveis do metal pesado ao produto final.

Foto: depositphotos

Loading...
>

Posteriormente, a massa de soja passa por um aquecimento a altas temperaturas, processo que desnatura aminoácidos essenciais presentes do grão. Ainda de acordo com Mazaracki, para tornar a proteína de soja palatável são acrescentados corantes, adoçantes e flavorizantes artificiais, incluindo uma neurotoxina denominada monosodioglutamato (MSG).

Na publicação feita em sua página oficial no Facebook, a especialista em nutrientes e alimentação saudável afirma que a maior parte da soja é geneticamente modificada e contaminada por pesticidas (glifosato).

A soja é realmente tão benéfica?

A soja é conhecida como um grão rico em nutrientes, vitaminas, minerais e proteínas. Dentre os benefícios proporcionados pelo alimento estão a redução dos níveis do colesterol “ruim” (LDL) e o aumento do colesterol “bom” (HDL). O grão também possui isoflavonas, substâncias que ajudam a amenizar os efeitos da menopausa, além de evitar a perda de massa óssea.

Mas será que a soja é mesmo tão saudável quanto parece? Segundo Tamara Mazaracki, o Instituto Federal da Alemanha para Avaliação de Riscos (BfR) alertou, em 2007, que bebês não deveriam usar fórmulas à base de soja sem uma razão médica concreta. De acordo com o relatório do BfR, os adultos deveriam evitar o excesso de consumo do grão porque as isoflavonas não oferecem nenhum benefício comprovado e podem causar danos à saúde.

A nutróloga ainda afirma que, de acordo com estudos mais recentes, a soja pode contribuir para o surgimento de doenças cardiovasculares, além de afetar a tireoide e enfraquecer o sistema imunológico.



Source link

Loading...







Loading...