Loading...
PERDER PESO

Dicas para comer menos carboidratos no dia a dia


Os carboidratos estão presentes em muitas de nossas refeições diárias, e talvez seja essa uma das razões para não perdemos peso.

Embora forneçam nutrientes e nos garantam energia para as atividades diárias, não devemos abusar deles.

Este artigo vai lhe dar algumas dicas para comer menos carboidratos.

Os carboidratos são ruins para a saúde?

Esta questão é muito comum, especialmente em pessoas que querem perder peso.

Nos últimos tempos tornaram-se populares dietas lowcarb que, como o próprio nome sugere, reduzem ao mínimo a ingestão de carboidratos.

A premissa deste tipo de alimentação é a seguinte: “os carboidratos são responsáveis pelo ganho de peso.”

No entanto, não podemos erradicá-los completamente da nossa dieta, pois desempenham funções muito importantes no nosso corpo. Por exemplo, são a principal fonte de glicose no sangue.

Isso significa que são responsáveis por trazer “combustível” para as células, e são a fonte de energia utilizada pelo cérebro para realizar todas as suas funções.

Da mesma forma, sabemos que na natureza existem dois tipos de carboidratos.

De um lado, os simples (ou açúcares) e do outro, os compostos (incluindo amidos e fibras).

O homem modificou o processo de elaboração dos alimentos e gerou um novo tipo de carboidratos: os simples refinados.

Quais são? São os que estão presentes na maioria dos produtos fabricados e encontrados no mercado: biscoitos, massas, bolos, cereais matinais, etc…

O problema com esse tipo de carboidrato é que são absorvidos rapidamente por não conterem fibra, aumentando os níveis de glicose no sangue. Além disso, acumulam gordura corporal (especialmente no abdômen).

Assim, a desvantagem dos carboidratos é que consumimos aqueles que são industrializados (os refinados) e ignoramos os naturais (encontrados em frutas, legumes, cereais, e leguminosas).

Se fizéssemos uma mudança, poderíamos perder peso e prevenir muitas doenças.

Veja também:  Abobrinha: fibra natural e sem calorias, uma aliada para o seu visual

Dicas para comer menos carboidratos

Com base no conceito de quais são os carboidratos “ruins”, seria bom que deixássemos de consumi-los com tanta frequência.

Por isso nós oferecemos algumas dicas que podem ajudar:

1. Deixe de lado bebidas açucaradas

bebidas-com-acucar

Não são saudáveis, pois têm em sua composição xarope de milho em grandes quantidades, bem como muito açúcar.

Isto provoca, além da obesidade, resistência à insulina. Até as opções dietéticas contêm ingredientes prejudiciais.

Loading...
>

Em vez disso, opte pela água, sucos naturais, ou chás de ervas.

2. Adicione mais frutas e vegetais

Muitas vezes comemos biscoitos, pães e lanches porque sentimos ansiedade, e não fome.

Isso pode ser resolvido, por exemplo, parando de comprar certos produtos “tentadores”, ou tendo diante dos nossos olhos uma apetitosa cesta de frutas.

  • Antes de escolher um carboidrato industrializado, opte por um vegetal. Por exemplo, uma haste de aipo ou cenoura crua (que reduz o estresse ao mastigar).

3. Reduza a ingestão de pão

Estamos acostumados a consumir pão como um acompanhamento perfeito para massas, carnes e molhos.

No entanto, um pedaço de pão tem muitos carboidratos simples refinados, e esta é uma das principais causas de ganho de peso.

  • É importante escolher pães de cereais integrais (por exemplo, o centeio), que fornecem carboidratos, mas também têm uma boa quantidade de fibras.

Assim, entre outros benefícios, melhoram o trânsito intestinal.

4. Faça compras com o estômago cheio

compras-mercado

Uma boa ideia para cuidar tanto do corpo como do bolso é ir ao mercado depois de comer.

  • Quando estamos com fome o cérebro não pode tomar boas decisões e também fica tentado com qualquer coisa que vê.
  • Tampouco recomendamos que vá a um restaurante com o estômago vazio (você pode, por exemplo, comer uma fruta antes de sair de casa).
  • Lembre-se de que o apetite o fará escolher alimentos processados, gordurosos, açucarados e pouco saudáveis. Portanto, coma primeiro e compre depois.

5. Escolha lanches com poucos carboidratos

No meio da manhã, tarde, ou antes do jantar, devemos fazer lanchinhos que nos impedem de chegar com muito apetite nas refeições principais e devorar o prato em segundos.

Devemos prestar atenção, porque esses lanches não podem consistir em um alimento qualquer.

Em vez de batatas fritas, biscoitos, doces ou frios, recomendamos que você tenha em mãos alguns frutos secos como amêndoas, amendoins, avelãs ou nozes.

Embora seja verdade que contêm bastante calorias, o segredo é consumi-los em poucas quantidades. A boa notícia é que saciam o apetite e reduzem a ansiedade.

Visite este artigo:  Vitamina deliciosa de gengibre e amêndoas para clarear as manchas na pele

6. Não se deixe enganar pelos rótulos “light”

Estão muito na moda. Uma grande quantidade de produtos no mercado está em pacotes e em recipientes verdes para provar que contém “poucas calorias”.

O problema é que esses itens nem sempre são saudáveis. Eles contêm menos carboidratos, mas também menos proteína, menos sódio e mais minerais.

7. Consuma mais proteína no café da manhã

Todas as manhãs necessitamos de combustível para começar o dia.

  • Para ter toda essa energia recomendamos, por exemplo, adicionar um ovo cozido ou mexido para saciar o apetite.
  • Assim, além disso, você estará incluindo mais proteínas para o seu corpo.

Você vai notar a diferença em seu dia a dia!



Source link

Loading...







Loading...