Açúcar: Conheça as vantagens e desvantagens de cada tipo

O artigo Açúcar: Conheça as vantagens e desvantagens de cada tipo faz parte do conteúdo do Remédio-Caseiro.

Considerado um dos maiores vilões para a nossa saúde, o açúcar, apesar da sua má reputação, possui uma legião de fãs de seus deliciosos derivados. Há anos a indústria alimentícia trabalha com vários tipos de açúcares e outras substâncias adoçantes, a fim de encontrar uma alternativa saudável que tenha um sabor tão bom quanto o açúcar cristal, que é o mais utilizado em receitas de bolos, doces e até massas.

A sua fabricação se dá principalmente utilizando a cana-de-açúcar. No entanto, em algumas regiões, a beterraba também é utilizada como matéria prima. Em seus formatos líquidos, ambas as formas possuem respectivamente de 15 a 20% e de 14 a 18% de sacarose. Cerca de 80% do açúcar mundial é feito a base da cana.

A cana de açúcar é uma planta oriunda das regiões tropicais do sul e sudeste da Ásia e a primeira produção de açúcar cristalino conhecida começou no norte da Índia, no entanto, não existe uma data clara de quando se deu. Foi Cristóvão Colombo o responsável por trazer alguns exemplares da planta para o continente Americano, em 1492.

Escolher o tipo do açúcar que será usado no seu dia a dia vai dizer muito sobre a saúde do seu corpo

Entre os mais famosos tipos de açúcar estão o cristal e o mascavo (Foto: depositphotos)

Hoje, encontramos esse tipo de produto em praticamente qualquer supermercado e de tantas variações que nem sabemos bem quais são os benefícios e malefícios de cada um deles. Confira a seguir as vantagens e desvantagens de cada tipo de açúcar:

Açúcar Refinado (Branco)

Também chamado de açúcar branco, o açúcar refinado é o mais comum nos supermercados. Como o próprio nome já diz, esse tipo de composto da cana-de-açúcar passa por processos, onde são adicionados químicos, como o enxofre, que dão a sua cor e sabor característico.

Durante o processo de refinamento, o açúcar acaba perdendo todas as suas vitaminas e minerais, tornando o alimento em uma “bomba” calórica, sem valor nutricional nenhum. Apesar de ser o tipo mais popular, ele é o menos benéfico para a saúde pois, além de não ter nutrientes, seu consumo em excesso pode acarretar no aparecimento de várias doenças, como diabetes, hipertensão e obesidade.

Açúcar Cristal

Semelhante ao açúcar refinado, o cristal faz jus ao seu nome, já que uma de suas características é ter cristais transparentes. Esses cristais granulados são um pouco mais difíceis de serem dissolvidos em líquidos. Suas características são fruto do processo pelo qual ele passa. No entanto, ainda que seja menos agressivo à saúde do que o processo de refinamento, faz com que o açúcar cristal perca 90% de seus nutrientes.

Mesmo superando o açúcar refinado em oferta de nutrientes, o cristal continua tendo um valor nutricional muito pobre e se ingerido em excesso, pode trazer os mesmos malefícios do que o primeiro.

Açúcar Mascavo

De cor escura, o açúcar mascavo é ligeiramente úmido e de cheiro e sabor que lembram bastante o da cana-de-açúcar in natura ou a rapadura. Ao contrário dos outros dois citados acima, esse tipo de açúcar não passa por nenhum processo de refinamento ou branqueamento o que por si só, já o torna numa opção muito mais saudável.

Apesar do sabor não agradar a muitos, o açúcar mascavo compensa isso com os seus nutrientes, já que é uma boa fonte de ferro, potássio, cálcio, magnésio, sódio e fósforo. Apesar de mais benéfico do que os outros citados, ele é tão calórico quando o refinado e cristal.

Confira como preparar receitas caseiras usando a cana-de-açúcar

O artigo Açúcar: Conheça as vantagens e desvantagens de cada tipo faz parte do conteúdo do Remédio-Caseiro.


Source link