9 Sinais que Você tem um Intestino Irritável (VAZADO)

A síndrome do intestino irritável é uma doença comum crônica que afeta o intestino grosso (cólon) e que exige acompanhamento médico no longo prazo.

Nosso intestino é muito importante, pois é por ele que eliminamos toxinas e resíduos, além de converter alimentos em energia.

Por conta disso, um intestino que não funciona corretamente pode causar muitos danos para o restante do nosso organismo e abrir portas para outras doenças mais graves.

O nosso intestino depende de um equilíbrio muito delicado entre as bactérias boas, que compõem a nossa flora intestinal, e as bactérias ruins que estão nos resíduos e toxinas que eliminamos.
Perder esse equilíbrio pode ser desastroso.

O desequilíbrio intestinal tem sido associado a desequilíbrios hormonais, doenças autoimunes entre outros problemas.

Por isso, saber quando estamos com problemas intestinais é crucial para evitarmos problemas maiores.

Veja 9 sinais de que você está com problemas intestinais:

1. Cansaço
As noites sem sono já são um sinal. Se você tem problemas de digestão, seu metabolismo será mais lento. Bactérias malignas podem estar sugando os nutrientes que seu corpo necessita.

2. Problemas digestivos
Alguns sinais são bem óbvios: inchaço na barriga, gases e diarreia são alguns sinais de alerta. Isso significa que as bactérias intestinais boas estão lutando poderosamente para processar os alimentos.
Ter gases é normal, mas o excesso de gases que provoca inchaço pode sinalizar problemas.
O refluxo ácido e colite são outros problemas que são um resultado direto de uma invasão de bactérias ruins.

3. Problemas de pele
Sabemos que essas bactérias ruins causam inflamações no intestino. E essas inflamações podem se alastrar, especialmente para o rosto.
Se você perceber um aumento de acne, rosácea, eczema ou psoríase, pode ser hora de neutralizar o intestino.

4. Deficiências de vitaminas e minerais
Para absorver todos os nutrientes e minerais necessários dos alimentos, o intestino precisa estar funcionando adequadamente, pois suas células dependem deles para crescimento, energia e regeneração. Por isso, um intestino que não consegue sua função, gera deficiência de vitaminas no organismo.

5. Doenças autoimunes
Pesquisas comprovaram que problemas intestinais estão diretamente associados às doenças autoimunes que incluem lúpus, artrite reumatoide e doença de Crohn.

6. Início do Diabetes
Pacientes com diabetes têm altos níveis de bactérias ruins em seus intestinos, por isso, tratar problemas intestinais é muito importante para prevenir e ajudar a tratar a diabetes.

7. Problemas de humor
Sempre que as bactérias ruins estiverem em maior quantidade no seu intestino, você pode ter certeza de que as toxinas que deveriam ser eliminadas serão retidas.
Essas toxinas podem interromper a produção do hormônio da felicidade, chamado de serotonina, além de outros neurotransmissores que podem melhorar o seu humor. Por isso, problemas intestinais, podem deixar você vulnerável a mudanças de humor, estresse, ansiedade e depressão.

8. Dificuldade em dormir
A flora intestinal é responsável por armazenar e regular a produção de serotonina. A serotonina, além de ajudar a manter o humor, também é responsável por induzir e regular o sono, por isso, problemas intestinais podem afetar o seu ritmo de sono.

9. Ganho de peso
Pessoas acima do peso podem estar com problemas intestinais que impedem a devida eliminação de toxinas. Além disso, podem estar com dificuldade de processar corretamente a gordura.
Por isso, manter um peso saudável é crucial para melhorar o funcionamento de todo o sistema digestivo.

Gostou deste vídeo? Se você gostou do vídeo, curta, se inscreva no canal e compartilhe com seus amigos.

INSCREVA-SE NO CANAL ► https://goo.gl/JWAeet
Facebook ► https://goo.gl/QJwd9p

*O acompanhamento de um profissional da área de saúde é fundamental para uma boa saúde. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste vídeo têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto de diagnóstico ou diagnóstico médico sem antes consultar um profissional de saúde – médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*