6 dicas para melhorar a visão de modo natural e sem cirurgia

Podemos melhorar a visão de modo natural! Somente devemos conhecer quais são os melhores conselhos e exercícios para treinar nossos olhos e evitar as tensões oculares do dia a dia.

Descubra neste artigo as melhores dicas para recuperar visão sem necessidade de cirurgias.

Esse é precisamente o melhor momento para começar o tratamentojá que nossa visão ainda está em bom estado.

Quanto mais tempo passar e mais nos acostumarmos aos óculos ou às lentes de contato, mais difícil será. Mas não impossível.

Veja também: Deliciosa vitamina multivitamínica para melhorar a visão e o metabolismo

Dicas para conseguir

1. Tomar consciência de nossos olhos

O primeiro passo para melhorar a visão de maneira natural consiste em tomar consciência de nossos olhos.

Ou seja, mesmo que tenhamos a capacidade de olhar e enxergar, não somos realmente conscientes de como usamos nossos olhos. 

Nos olhos acumulamos emoções e tensões do dia a dia que nos causam problemas de visão. No entanto, a parte positiva é que o que acreditávamos ser incurável pode, na verdade, ter solução.

Pouco a pouco devemos prestar mais atenção no que fazemos com nossos olhos, quando os apertamos, por que não olhamos em determinadas direções, por que baixamos a visão, etc.

2. Descansar de óculos ou lentes

Muitas pessoas estão submetidas ao uso de óculos ou lentes de contato diariamente.

O que parecia algo maravilhoso para recuperar a visão perdida se converteu também em uma dependência onde nossos olhos se acostumaram a não ter que fazer nenhum esforço.

É por este motivo que costumamos ir perdendo a visão ao invés de recuperá-la.

Propomos deixar o uso de óculos e lentes durante algumas horas do dia, sempre que seja possível, para acostumar os olhos a fazer sua função.

Podemos ir aumentando este tempo de maneira progressiva.

3. Olhar de perto, olhar de longe

Mulher treinando a visão esquerda

Estamos perdendo a capacidade de olhar a diferentes distâncias, principalmente as pessoas que vivem nas cidades, rodeadas de edifícios que impedem de olhar para longe.

Sempre que tivermos a oportunidade devemos exercitar estas funções visuais. E, sempre que pudermos, sair para a montanha ou para a praia, a lugares nos quais podemos abranger espaços mais amplos sem impedimentos.

No dia a dia incorporaremos este simples exercício em qualquer momento que pudermos: olhar para longe e para perto de maneira alternada, fixando em detalhes e objetos ao nosso redor.

4. Combater a tensão ocular

Em muitos casos perdemos a visão por um excesso de tensão ocular.

Esta pode ocorrer devido a um excesso de horas em frente ao computador ou à televisão e, inclusive, ao fazê-lo de maneira inconsciente ao olhar com atenção.

Além disso, esta tensão pode provocar também dores de cabeça frequentes.

Para relaxar os olhos faremos a técnica da palma:

  • Esfregue ambas as mãos até que esquentem.
  • Apoie os cotovelos sobre uma mesa e os olhos sobre as palmas das mãos, mas sem apertá-los.
  • Relaxe por um par de minutos nesta posição, enquanto tenta tomar consciência de qualquer tensão que estamos fazendo com os olhos ou com toda a musculatura ao redor.
  • Ao terminar este exercício sentiremos um grande alívio, assim como uma maior nitidez na visão.

5. Olhar em todas as direções

Mulher treinando a visão

Assim como devemos aprender a olhar de longe e de perto, também temos que utilizar todas as possibilidades que nos oferecem os olhos, já que se não ocorre, estes podem se atrofiar.

Ou seja, ao invés de mover a cabeça sempre que queiramos olhar para algum lugar, também devemos olhar em todas as direções: para cima, para baixo, para ambos os lados, em diagonal e inclusive para o nariz.

Deste modo manteremos a musculatura ocular em forma.

6. A alimentação

Em todo tratamento natural sempre está presente a alimentação, já que é a que nos proporciona os nutrientes que precisamos para cumprir as funções de nosso corpo.

Em nossa dieta não podem faltar:

  • Frutas e vegetais.
  • Gorduras saudáveis.
  • Proteína de boa qualidade.
  • Cereais integrais.
  • Frutos secos e sementes.

Source link