⭐️❤️ Como modelar naturalmente a cintura / DICAS E CURIOSIDADES

Como modelar naturalmente a cintura
Para ter uma cintura invejável não é necessário ir à academia. Você pode fazer exercícios em casa. Lembre-se: a constância é a chave do sucesso.
Cintura feminina, cintura masculina
Como falamos anteriormente, há diferenças físicas nesta região se estamos falando de uma mulher ou de um homem. Isso não quer dizer que ambos os sexos não queiram ter uma cintura bonita. Trata-se das partes do corpo onde mais se acumula gordura se não fazemos exercícios, se passamos o dia inteiro sentados ou se comemos exageradamente.

⭐️❤️ VEJA NOSSO SITE + http://www.querovermais.com

Às vezes é difícil conseguir uma cintura atraente ou “bem modelada”. Se o abdômen estiver flácido e com gordura acumulada, ele nunca ficará como queremos. Por isso, é bom seguir um plano integral para diminuir a cintura, mas também focar no tronco e nos quadris. Desta maneira, conseguiremos manter um corpo harmônico.

Se você tiver gordura acumulada na área do estômago, certamente você tem os chamados “pneuzinhos”. Mas não se preocupe, porque estes quatro pontos ajudarão a conseguir a cintura fina ou acorde ao seu corpo.

Alimentação
Esta é a base para qualquer tratamento que realizarmos, não importa qual for o objetivo. Se você mantiver uma dieta equilibrada, seu abdômen não irá inflamar e nem se encherá de gorduras. O mais recomendável é que você beba muitos sucos de frutas e vegetais frescos (feitos por você, não comprados prontos). O mais importante é que você coma de maneira saudável e elimine tudo aquilo que causa inchaço abdominal, como:

Farinhas brancas
Açúcares
Laticínios
Embutidos
Doces
Empanados
Que opções escolher? Uma grande quantidade! Você pode preparar milhões de receitas com os seguintes ingredientes:

Frutas
Verduras
Legumes
Oleaginosas
Farinhas e açúcares integrais
Carnes magras
Não se esqueça da água: pelo menos 2 litros por dia.

Massagens
Certos tipos de massagens são ótimos para reduzir a cintura, como é o caso da drenagem linfática. Mesmo que não seja uma massagem redutora ou estética, as massagens musculares também podem ajudar. Por quê? Porque relaxam e reduzem os níveis de estresse, ansiedade, nervosismo, etc. Se você estiver mais tranquilo, comerá menos e a gordura não irá se depositar em seu estômago. Além disso, você se sentirá muito melhor, renovado e com a vontade de seguir adiante em todos os seus projetos e objetivos.

Ioga
Muitas pessoas subestimam o poder desta técnica milenar porque acreditam que são exercícios para pessoas idosas. Nada mais longe da realidade. A ioga faz com que trabalhemos todos os músculos e ossos do corpo, ajudando a queimar gordura, tonificar, endurecer a musculatura e fazer com que nos tornemos mais elásticos e harmônicos. Assim como ocorre com as massagens, ela também relaxa o corpo e reduz o estresse, um dos maiores culpados por fazer com que comamos muito e ganhemos peso. Por isso, não hesite em começar a praticar ioga! Se fizer aulas duas vezes por semana você irá conseguir notar a diferença em pouco tempo.

Exercícios
A atividade física não poderia faltar em uma rotina para emagrecer a cintura e o abdômen. Lembre-se de que os exercícios abdominais ajudam a reduzir o abdômen e deixá-lo mais tonificado. É importante ser constante, paciente e se comprometer a praticar esportes, mesmo que não goste muito de fazê-lo. Muitas pessoas se desmotivam se não veem resultados na primeira semana, mas não existe mágica. Estima-se que, para obter resultados verdadeiros, duradouros e que valham a pena, é preciso manter uma rotina de exercícios durante três meses consecutivos. Não é necessário terminar de assistir este video e sair correndo para se matricular na academia: você deve começar de maneira gradual, de acordo com as suas possibilidades.

Mais sobre os exercícios para modelar a cintura
Como você já leu, a atividade física é um dos pilares para ter uma linda cintura, e também para nos sentirmos bem. Não é preciso ir à academia se você não gostar do ambiente. Você pode treinar em casa, sempre que seja constante na prática.