⭐️❤️ 9 dicas para perder peso sem passar fome e de maneira equilibrada

9 dicas para perder peso sem passar fome e de maneira equilibrada
Para perder peso não devemos eliminar as gorduras de nossa alimentação, mas sim escolhê-las sabiamente e optar por aquelas que nos ajudem a saciar o apetite e acelerar o metabolismo.
Perder peso deveria ser sempre um objetivo baseado na saúde e no sentido comum, e não um motivo de frustração e ressentimento.

VEJA NOSSO SITE + http://www.querovermais.com

Perder peso sem dietas milagrosas
A chave para perder peso sem passar fome e sem sacrifícios consiste em aprender a comer de maneira mais saudável.

Devemos mudar o funcionamento do nosso organismo para melhorar a digestão e aumentar o consumo de calorias.

As dietas milagrosas oferecem resultados muito vistosos a curto prazo. Porém, podem ser prejudiciais para a saúde, afetar o fígado e os rins e nos expor a sofrer de doenças crônicas.

Além disso, uma vez que terminamos a dieta, o corpo costuma sofrer um efeito rebote, de forma que engordamos de novo e inclusive ganhamos mais peso do que tínhamos antes.

A seguir, apresentamos 9 dicas para que você perca peso de maneira inteligente.

Assim, não só perderá quilos de forma progressiva e permanente: também se sentirá mais cheia de energia, vitalidade e bom humor.

1. Acelerar o metabolismo
O metabolismo é o que regula, dentre outras funções, o gasto energético que temos. Se aceleremos o metabolismo, conseguimos queimar mais calorias e, por outro lado, perder peso com mais facilidade.

Para consegui-lo devemos fazer exercícios de intensidade média, beber água e consumir alimentos que o estimulem:

Gengibre
Pimenta caiena
Canela
Chá verde
Abacate
Óleo de coco
Toranja
Alho
2. Comer alimentos saciantes
Se temos um bom apetite e um de nossos pontos fracos é a fome constante, devemos começar a comer alimentos saciantes que nos façam sentir cheios com menos quantidade.

Para isso, escolheremos os que são ricos em água e em fibras:

Saladas
Vitaminas de frutas
Patês vegetais
Leguminosas
Oleaginosas (sem fritar e nem salgar)
Sementes de linhaça e de chia
Cereais integrais
3. Beber mais água
Se aumentarmos o consumo de fibra também deveremos nos propor a beber mais água. Deste modo, não somente sentiremos mais saciedade, mas também facilitaremos a digestão da fibra.

Em muitas ocasiões acreditamos que temos fome, mas ao beber um copo de água nos damos conta de que era somente sede.

4. Eliminar líquidos
Muitas pessoas sofrem de retenção de líquidos que lhes faz ganhar peso e volume.

Para eliminar líquidos não faremos igual com as gorduras. Neste caso, potencializaremos a capacidade diurética de nosso organismo com alguns alimentos:

Salsão
Cebola
Pepino
Abacaxi
Alface
Pera
Melancia
Aspargos
Cavalinha
Dente de leão
5. Escolher bem as gorduras
As dietas pobres em gorduras não funcionam. Pelo contrário, devemos comer uma boa quantidade de gordura, mas de boa qualidade.

Deste modo também aceleraremos o metabolismo e sentiremos menos fome.

Os alimentos ricos em gorduras saudáveis são os seguintes:

Óleo de coco
Azeite de oliva
Abacate
Oleaginosas
Sementes
Gema de ovo
Ghee (manteiga clarificada)
6. Comer proteína de qualidade
Também devemos nos assegurar de ingerir uma boa porção diária de proteína, já que também acelera o metabolismo, nos ajuda a converter a gordura em músculo e a reduzir o diâmetro da cintura.

A proteína não é encontrada somente na carne. Devemos combiná-la com outras fontes de proteína animal e vegetal:

Peixes
Ovos
Laticínios
Leguminosas
Oleaginosas e sementes
7. Reduzir os carboidratos
Hoje em dia comemos muitos carboidratos pouco saudáveis, como pão, bolos, pizza, macarrão, etc. Deveremos reduzi-los e substituí-los por outros mais nutritivos:

Arroz integral
Aveia
Milho
Quinoa
Trigo sarraceno
Batata
Banana
Abóbora
8. Mastigar bem
Mastigar bem cada garfada nos ajudará a melhorar a digestão e assimilação dos nutrientes. Ficaremos satisfeitos antes e comeremos menos.

Este bom hábito é imprescindível, principalmente para aquelas pessoas que comem muito rápido por falta de tempo ou por ansiedade.

Também devemos procurar comer fora do entorno de trabalho ou de lugares que nos causem estresse ou nervosismo, assim como nos afastar de distrações e conversas.

9. Desfrutar da comida
Não podemos nos esquecer jamais de desfrutar da refeição, já que assim nos sentiremos mais positivos e de bom humor.

Quando nos desanimamos ou deprimimos, somos mais vulneráveis a comer o que não devemos e a não cumprir com os objetivos que nos propomos.